Páginas

12 de jun de 2017

noite


o céu está tão lindo
essa noite
a única coisa boa desse lugar
a fumaça sobe
se dissipando no ar
e eu mal consigo vê-la
exceto quando um feixe de luz
sai pela porta
entreaberta
nada mudou,
mesmo depois de mais de década
isso me assusta
eu queria ser essa fumaça
e vagar pela escuridão do céu pintado de pontinhos brancos
mas eu te amo tanto
e queria te levar junto
para bem longe de todo esse sofrimento e dor
eu acendo o cigarro
pra me inundar de toxicidade
esta tudo igual,
nada mudou
mas já não sou a mesma
posso sentir o desespero e a angústia
afagarem o meu pescoço
brutal e letalmente
algo violento esta acontecendo
mas o céu continua calmo e pacífico,
quase sorridente
diante de toda essa desgraça aqui embaixo
que contraste!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 Mapa Literário