Páginas

6 de mai de 2017

batom


Eu passei o batom
coloquei um vestido
mas eu não vou sair
não hoje.
Hoje eu fico aqui,
como quase todos os dias.
Eu me pergunto se sou uma má pessoa
se sou desagradável
e ninguém gosta de mim.
Mas como saberei? Ninguém nunca disse nada
O que há de errado comigo?
Nunca sei o que dizer às pessoas,
e acabo dizendo as coisas erradas,
afastando-as.
E eu não quero afastá-las, eu juro!
Eu as quero perto de mim
Especialmente ele.
Ele, quem eu nunca tive a oportunidade de realmente conhecer.
Ah, como eu desejo conhecê-lo!
Como eu desejo que ele fosse meu amigo,
como eu desejo que alguém fosse meu amigo.
De verdade, por eu ser uma boa pessoa,
não por terem que me aturar.
Dizem que eu sou estranha
e eu começo a acreditar que sou mesmo.
Dizem que eu sou louca,
acredito também.
Dizem que a gente tem que se amar
e que quem gostar da gente, vai gostar exatamente da forma que somos.
Mas como você se ama quando todos te mostram que você não é uma pessoa amável?
Não me ensinaram a me amar, mas eu te amo.
Eu sei que é amor porque continuo te desejando o bem.


Mas será que é mesmo?
Ou seria só falta de alguém amigo, de um ombro confiável?
Ah, a falta disso, de família e amigos, com certeza é capaz de destruir até o mais valente dos homens
E disso eu sei bem, ah, se sei.
Meu coração está em frangalhos
porque necessito falar com alguém
preciso de alguém.
Que me escute, que não me julgue
Ninguém sabe o que eu passei
e o quanto estou sendo guerreira.
Ah, eu estou sim!
Eu resisti até aqui.
Jesus! Cade você?
Odin, Alah!
Eu preciso de um amigo.

Eu descobri que não sou uma pessoa depressiva.
Sou uma pessoa como outra qualquer.
Os meus picos de tristeza, quase diários, se devem ao fato de me sentir só.
Sim, só! De amigos, de família!
Nenhum ser humano é uma ilha!
Parte razão, a outra, emoção pura.
Que molha meu rosto
e aperta meu coração.
Dói, ah, como dói!
Eu tenho medo de ser uma pessoa desagradável,
eu juro, não quero ser!
Quero que gostem de mim, por favor.
Me ajudem.
Eu tô batalhando tanto pra continuar aqui.

Hoje eu passei o batom
e botei o vestido
mas eu não vou sair.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 Mapa Literário